Serviços
11/04/2024 - Leno Castro

Setur-MA prorroga prazo de inscrições dos cursos EAD

As inscrições para os cursos à distância de Roteirização Turística, Turismo de Base Comunitária e Condução de Visitantes em Ambientes Naturais, da Secretaria de Estado do Turismo (Setur-MA), foram prorrogadas até o dia 30 de abril.

Cada curso tem carga horária de 40h. As aulas foram gravadas em ambientes internos e externos, por meio de um Termo de Cooperação Técnica firmado entre a Setur-MA e o Núcleo de Tecnologias para Educação (UemaNet).

Com a prorrogação, houve alterações no cronograma que ficou da seguinte forma:

Inscrições estão abertas até 30 deste mês;

Divulgação da Banca Examinadora ficou para 2 de maio;

O resultado preliminar ocorrerá no dia 7 de maio;

Interposição de recursos será no dia 8 de maio.

O resultado definitivo deve ser divulgado no dia 10 de maio, para que o início das aulas ocorra em 13 de maio, e o término do curso em 27 de maio deste ano.

Outras informações no  site disponibilizado pela Setur-MA

 

LEIA MAIS
9/04/2024 - Leno Castro

BNDES abre concurso em 2024 para 150 vagas de nível superior

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) confirmou que vai divulgar no segundo semestre deste ano edital para 150 vagas de preenchimento imediato, além de formação de cadastro de reserva.

Os empregados admitidos no concurso ingressarão em novo Plano de Cargos e Salários, no cargo de analista, que exige formação em nível superior, com salário inicial de R$ 20.900.

Depois de 11 anos sem concurso, serão oferecidas vagas somente para nível universitário nas seguintes áreas de conhecimento: administração, análise de sistemas – desenvolvimento, análise de sistemas – suporte, análise de sistemas – cibersegurança, arquitetura e urbanismo, arquivologia digital, ciências contábeis, ciência de dados, comunicação social, direito, economia, engenharia e psicologia organizacional.

Devido ao avanço da transformação digital e da inteligência artificial, será a primeira seleção pública do BNDES a contemplar a área de ciência de dados e cibersegurança. Especificamente em relação à ciência de dados, candidatos com diploma de qualquer graduação poderão concorrer. De acordo com a diretora de Recursos Humanos e da Área de Tecnologia da Informação do BNDES, Helena Tenório, “por ser uma área de atuação nova e disputada por diversas organizações, com pessoas de múltiplas formações a ela se dedicando, a nova ênfase em ciência de dados terá requisito de acesso amplo, aberto a qualquer formação de nível universitário”.

Em linha com os objetivos institucionais do BNDES e do governo Lula de promover o desenvolvimento diverso e inclusivo, o próximo concurso vai reservar 30% das vagas para candidatos negros e pelo menos 10% para pessoas com deficiência (PCDs).

Em relação à banca organizadora, o BNDES avalia propostas de instituições com experiência em concurso público similar. As informações oficiais serão divulgadas nas próximas semanas no Diário Oficial da União, em jornais de grande circulação e no Portal do BNDES.

 

LEIA MAIS
9/04/2024 - Leno Castro

Edital do programa Trabalho Jovem 2024 busca efetivar parceria com empresas

Como forma de gerar oportunidade de trabalho para a juventude maranhense, o Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado do Trabalho e Economia Solidária (Setres), abriu, nesta semana, o edital de credenciamento de empresas, que atuam no estado, para acesso ao apoio financeiro público, no âmbito do programa Trabalho Jovem.

O período de habilitação e credenciamento será de 8 de abril a 8 de maio de 2024.

A Setres é responsável pela execução do eixo “Auxílio à Contratação”, que é um aporte financeiro concedido pelo estado para empresas de médio, pequeno e microempreendedor individual (MEI), que desejam ampliar o quadro de funcionários, por meio da inclusão de jovens entre 17 anos e 25 anos.

O valor atual do auxílio para a empresa é de R$ 1.000,00 mensais, por cada contratação. O jovem profissional, por sua vez, recebe um salário conforme os preceitos da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT).

O eixo “Auxílio à Contratação” garante 1.000 vagas com o ramo empresarial. Este ano, o programa que está em sua terceira edição e traz uma novidade, as vagas disponibilizadas no edital devem ter observância ao plano plurianual do estado, considerando o público transversal das outras políticas, um exemplo destes públicos são a pessoa com deficiência.

O secretário Luiz Henrique Lula (Setres) destacou que a expectativa é bater o recorde de participação do ano passado, quando foram credenciadas 360 empresas em 79 municípios.

São requisitos para participação no programa a regularidade fiscal e cadastral da empresa, além de possuir no mínimo 1 (um) ano de abertura. As empresas que desejam se credenciar no edital do programa Trabalho Jovem deverão fazer a inscrição exclusivamente pelo site do trabalho jovem no período de habilitação.

Para mais informações, empresários e microempreendedores individuais podem recorrer ao mesmo canal ou tirar dúvidas com a coordenação do Trabalho Jovem – Eixo Auxílio à Contratação, pelo telefone (98)98323-0021.

LEIA MAIS
8/04/2024 - Leno Castro

Divulgados os horários do Concurso Nacional Unificado

A contagem regressiva para a realização das provas do chegou, nesta sexta-feira, 5 de abril, a um mês.

No dia 5 de maio, mais de 2,14 milhões de candidatos de todo o país disputarão as 6.640 vagas oferecidas no maior processo seletivo para o serviço público da história no Brasil, o Concurso Público Nacional Unificado (CPNU).

O Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos, em parceria com a Cesgranrio, divulgou os horários de abertura e fechamento dos portões, bem como de início e duração das provas. A orientação é para que os candidatos estejam atentos para evitar atrasos e reduzir as chances de serem afetados por imprevistos.

As provas serão aplicadas simultaneamente em 228 cidades das 27 Unidades da Federação e terão questões objetivas específicas e dissertativas, por área de atuação.

Horários

As provas serão aplicadas em dois períodos.

Pela manhã, os portões serão abertos às 7h30, no horário de Brasília, e serão fechados às 8h30. As provas têm início às 9h e, neste turno, os inscritos para os blocos de nível superior (1 a 7) responderão 20 questões objetivas, de múltipla escolha, sobre conhecimentos gerais. Haverá ainda uma questão dissertativa de conhecimento específico. Para o bloco de nível médio (bloco 8), os candidatos farão 20 questões objetivas de múltipla escolha, além de uma redação. A duração da prova é de 2h30.

À tarde, os portões serão abertos às 13h (de Brasília) e serão fechados às 14h, com as provas tendo início às 14h30. Os candidatos dos blocos de nível superior (1 a 7) responderão a 50 questões objetivas, de múltipla escolha, e de conhecimentos específicos. Já os inscritos no bloco de nível médio terão pela frente mais 40 questões objetivas, de múltipla escolha. As provas para o nível médio não incluem questões dissertativas, apenas a redação no período matutino. No turno vespertino, a duração da prova é de 3h30.

A divulgação dos resultados das provas objetivas e preliminares das provas discursivas e de redação está prevista para 3 de junho. A divulgação final dos resultados deve ocorrer em 30 de julho. No dia 5 de agosto, o Governo Federal iniciará a convocação dos aprovados para posse e cursos de formação.

LEIA MAIS
8/04/2024 - Leno Castro

Brasil tem 575.930 médicos ativos: 2,81 por mil habitantes

O Brasil registra, atualmente, 575.930 médicos ativos – uma proporção de 2,81 profissionais por mil habitantes, a maior já registrada no país. Os dados fazem parte da Demografia Médica CFM – Dados oficiais sobre o perfil dos médicos brasileiros 2024, divulgada nesta segunda-feira (8), pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).

Desde o início da década de 1990, o número de médicos no país mais que quadruplicou, passando de 131.278 para a quantidade atual, registrada em janeiro de 2024. No mesmo período, a população brasileira aumentou 42%, passando de 144 milhões para 205 milhões, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O número de médicos, portanto, aumentou oito vezes mais do que o da população em geral. Entre 1990 e 2023, a população médica registrou crescimento médio de 5% ao ano, contra aumento médio de 1% ao ano identificado na população em geral.

A maior progressão no volume de médicos ocorreu de 2022 a 2023, quando o contingente saltou de 538.095 para 572.960 – um aumento de 6,5%. Com índice de 2,8 médicos por mil habitantes, o Brasil tem hoje taxa semelhante à registrada no Canadá e supera países como os Estados Unidos, o Japão, a Coreia do Sul e o México.

Para o CFM, o crescimento foi impulsionado por fatores como a expansão do ensino médico, sobretudo nas últimas duas décadas, e pela crescente demanda por serviços de saúde.

Escolas médicas

Dados da Demografia Médica mostram que, atualmente, há 389 escolas médicas espalhadas pelo país – o segundo maior número no mundo, atrás apenas da Índia. A quantidade de faculdades de medicina no Brasil quase quintuplicou desde 1990, quando o total chegava a 78. Nos últimos dez anos, a quantidade de escolas médicas criadas (190) superou o total de todo o século passado.

“O CFM vê com muita preocupação a velocidade de abertura de novas escolas médicas e do aumento das vagas em escolas já existentes. A abertura de vagas em escolas médicas é algo de interesse público e deve acontecer por necessidade social”, destacou o supervisor do estudo e conselheiro Donizetti Giamberardino.

Desigualdade

Apesar do significativo aumento no contingente de médicos brasileiros, o CFM considera que ainda há um cenário de desigualdade na distribuição, na fixação e no acesso aos profissionais.

Os números mostram que a maioria dos profissionais opta por se instalar nos estados do Sul e do Sudeste e nas capitais, devido às condições de trabalho. Os que vivem no Norte, no Nordeste e em municípios mais pobres relatam falta de investimentos em saúde, vínculos precários de emprego e ausência de perspectivas.

Perfil

A idade média dos médicos em atividade no Brasil é 44,6 anos. Entre os homens, a idade média é 47,4/ano. Já para as mulheres, 42 anos. Observa-se também uma diferença no tempo de formação entre os gêneros: em média, os médicos têm 21 anos de formados, enquanto as médicas têm 16 anos.

Em 2023, os homens ainda representavam, ligeiramente, a maioria entre os médicos com até 80 anos, respondendo por 50,08% do total, enquanto as mulheres representavam 49,92%. Em 2024, a estimativa é que o número de médicas ultrapasse o de médicos. Atualmente, entre os médicos com 39 anos ou menos, as mulheres já constituem maioria, representando 58% em comparação a 42% dos homens.

Distribuição

O estudo mostra ainda que o aumento no número de médicos ao longo das últimas décadas não resultou em distribuição igualitária pelo país. O Sudeste tem proporção de profissionais superior à média nacional, de 2,81 por mil habitantes. A região tem a maior densidade e proporção de médicos; 3,76 por mil habitantes e 51% do total de médicos, enquanto abriga 41% da população brasileira.

Em contraste, o Norte exibe a menor proporção de médicos (1,73 por mil habitantes), ficando significativamente abaixo da média nacional. O Nordeste, com 19,3% dos médicos e 26,8% da população, apresenta uma razão de 2,22 médicos por mil habitantes, também abaixo da média nacional.

O Sul, por sua vez, com 15,8% dos médicos e 14,8% da população, registra 3,27 médicos por mil habitantes, enquanto o Centro-Oeste, com 9% dos médicos e 8,1% da população, tem 3,39 médicos por mil habitantes, ambos acima da média nacional.

Nas capitais, a média de médicos por mil habitantes alcança o patamar de 7,03, contra 1,89 observada no conjunto das cidades do interior. Ao analisar os extremos dessa distribuição, Vitória registra a maior densidade: 18,68 médicos por mil habitantes. Em contrapartida, no interior do Amazonas, a densidade é de 0,20 médico por mil habitantes.

 

LEIA MAIS
8/04/2024 - Leno Castro

Abertas inscrições para a I Conferência Estadual de Migrações, Refúgio e Apatridia do Maranhão

Estão abertas as inscrições para a I Conferência Estadual de Migrações, Refúgio e Apatridia do Maranhão (Comigrar/MA), que será realizada no dia 19 deste mês, das 8h às 18h, em São Luís.

Inscrições AQUI

O evento antecede a 2ª Conferência Nacional de Migrações, Refúgio e Apatridia (Comigrar). A Comigrar Estadual será realizada na Escola de Governo do Maranhão (Egma), localizada na Rua da Estrela, 540, Praia Grande, das 8h às 18h.

A conferência é promovida pelas secretarias de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), Educação (Seduc), Desenvolvimento Social (Sedes), Trabalho e Economia Solidária (Setres), Escola de Governo do Maranhão (EGMA), Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Alto-comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), Escola dos Conselhos Elizângela Cardoso Correia, com o apoio de diversos parceiros do poder público estadual, municipal e da sociedade civil.

“Nesta conferência queremos aprofundar o debate sobre migrações, refúgio e apatridia no Maranhão, discutindo e propondo diretrizes e recomendações para políticas públicas, garantia da participação social e política de migrantes, refugiados e apátridas no nosso estado”, explicou a secretária de Estado da Sedihpop, Lília Raquel de Negreiros.

Entre os temas que serão abordados para nortear as discussões e a elaboração de propostas está identidade e acesso a serviços públicos; inserção socioeconômica e trabalho decente; interculturalidade e diversidades, enfrentamento à violação de direitos; regularização migratória e documental; governança e participação social.

Participam rerpesentantes de povos de diferentes nacionalidades que foram acolhidos no Maranhão, além de servidores públicos, estudantes, pesquisadores e profissionais que atuam na pauta. As inscrições estão abertas por meio do link https://forms.gle/ju9Yz4cttdhuALc6A. Durante a conferência será realizada também a eleição de delegados que representarão o Maranhão na conferência nacional, a 2ª COMIGRAR, que acontece no período de 7 a 9 de junho em Foz do Iguaçu, no Paraná.

 

LEIA MAIS
5/04/2024 - Leno Castro

Resultado do seletivo para vagas remanescentes do ProfiTec/Uema 2024 já está disponível

Após interposição de recursos, já está disponível o resultado definitivo do Processo Seletivo Simplificado para preenchimento das 18 vagas remanescentes do Programa de Formação Profissional Tecnológica (ProfiTec), da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), para o primeiro semestre de 2024.

Foram ofertadas 18 vagas para cursos tecnólogos em cinco cidades. Destas, uma vaga foi destinada ao curso de Geoprocessamento, em Balsas, 11 vagas para Design de Interiores, na cidade de Caxias, duas vagas para Gestão da Qualidade, em Codó, uma vaga para Logística, em Santa Inês e três vagas para Logística, no município de Timon.

O processo de seleção ocorreu em duas modalidades: aproveitamento das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), edições de 2022 ou 2023, e análise do histórico escolar do ensino médio.

As matrículas dos aprovados serão realizadas, de modo presencial, entre os dias 9 e 14 de abril, nas secretarias dos respectivos campi da Uema.

Documentos necessários para realização da matrícula

– Certificado de Ensino Médio com Histórico Escolar (original e cópia), com visto da Inspeção Escolar ou carimbo de isento do Conselho Estadual de Educação;
– Cédula de Identidade (original e cópia);
– Certidão de Nascimento ou Casamento (original e cópia);
– Certificado de Reservista, ou de dispensa de incorporação, se do sexo masculino e maior de 18 anos (original e cópia);
– Certidão de Quitação Eleitoral, que pode ser emitida por meio do endereço eletrônico- Uma foto 3×4 recente;
– CPF (original e cópia);
– Comprovante de residência (original e cópia).

Após a matrícula presencial, o estudante deverá, obrigatoriamente, realizar o autocadastro no Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas da Uema – SigUema ([url=https://sis.sig.uema.br/sigaa]https://sis.sig.uema.br/sigaa[/url]).

Confira a lista definitiva dos aprovados neste link

Sobre o ProfiTec

O ProfiTec é um programa especial criado pela Uema para viabilizar mais inclusão, na área tecnológica, para a juventude maranhense, ofertando cursos de graduação presenciais de menor duração e que atendam a demandas específicas da sociedade.

As aulas do programa são presenciais e ocorrem somente durante os fins de semana.

LEIA MAIS
4/04/2024 - Leno Castro

Resultados preliminares da Avaliação 2023 do Seama já estão disponíveis

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) disponibilizou, nesta semana, os resultados preliminares da Avaliação Somativa 2023 do Sistema Estadual de Avaliação do Maranhão (Seama). Os resultados de desempenho dos estudantes podem ser obtidos, exclusivamente, por meio da Plataforma de Avaliação e Monitoramento do Maranhão, no endereço endereço disponibilizado pela Seduc.

Os resultados preliminares são referentes à Avaliação Somativa ocorrida no período de 27 de novembro a 1º de dezembro de 2023. A plataforma também disponibilizará orientações sobre o processo de interposição de recursos para as redes municipais.

A Seduc, em parceria com o Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF), realiza atividades avaliativas com os objetivos de diagnosticar as aprendizagens dos estudantes da Educação Básica e apoiar o planejamento de ações educacionais. Dessa forma, é possível verificar, com amplitude e profundidade, os desafios que precisam ser enfrentados para assegurar o direito de aprender a todos os estudantes.

“Mais uma importante ação do governo para fortalecer a educação no estado e garantir o direito a uma educação com mais qualidade a todos e todas. A Avaliação do Seama é uma realidade no Maranhão e os seus resultados servem como um norte, na busca por melhores caminhos, para que a educação do Maranhão alcance resultados cada vez melhores”, destacou o vice-governador e secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.

“Os dados das avaliações do Seama fornecem uma ampla gama de informações de grande interesse para todos os níveis de gestão escolar. Os resultados finais possibilitam o acompanhamento e monitoramento da política educacional no território, bem como a tomada de decisões em nível de escola, sala de aula ou até mesmo individualmente para os estudantes. Isso visa a recomposição ou recuperação de aprendizagens não plenamente consolidadas, bem como o aprofundamento com foco no desenvolvimento de conhecimentos mais avançados”, ressaltou Pedro de Alcântara Lima Filho, superintendente de Informação e Avaliação do Desempenho Educacional.

Interposição de recursos

Uma vez divulgados os resultados preliminares, será aberto o período para interposição e análise de recursos para as redes municipais. O período de interposição de recursos (apenas para escolas das redes municipais) acontecerá de 9 a 12 de abril de 2024. Em seguida, será realizada a análise de recursos interpostos, que acontece de 15 a 26 de abril de 2024.

A devolutiva aos diretores na plataforma (deferimento/indeferimento) acontecerá no dia 14 de maio de 2024. A divulgação dos resultados finais na plataforma para as escolas acontece até 18 de maio.

A interposição de recursos é de responsabilidade exclusiva do gestor/diretor escolar, sendo permitida a visualização de recursos cadastrados à Secretaria Estadual de Educação e às Secretarias Municipais Educação.

Assim, o gestor escolar, responsável pela interposição de recurso, valendo-se das suas credenciais de acesso, cadastrará a solicitação de recurso na plataforma, informando o motivo. Na ação, são requeridas informações correlatas ao motivo selecionado, como ano escolar, componente curricular, nome do estudante, justificativa, comprovante etc.

Quanto aos motivos, os gestores poderão interpor recursos nas seguintes situações: estudante previsto para a avaliação, mas não há resultados na plataforma; turma prevista para a avaliação, mas não há resultado na plataforma; estudante duplicado (consta duas ou mais vezes nos resultados, em igual etapa); estudante com resultado publicado, mas há o questionamento sobre os resultados apresentados.

Para pedidos de revisão sob o motivo 1, será permitido acrescentar estudantes ou turmas que não estejam listados no sistema, mediante o preenchimento correto dos campos específicos de identificação.

O item cadastrado é enviado para análise do CAEd/UFJF, responsável pela análise dos recursos, que defere ou indefere a solicitação. Há, para casos de indeferência, obrigatória devolutiva ao requerente. Não haverá revisão de pedidos indeferidos.

Até o dia 8 de abril de 2024, serão enviados os tutoriais de acesso à Plataforma de Avaliação e Monitoramento do Maranhão e de interposição de recursos às redes municipais.

LEIA MAIS
4/04/2024 - Leno Castro

STC lança cronograma de cursos para 2024

A Secretaria de Estado de Transparência e Controle (STC), por meio da Corregedoria Geral do Estado (CGE), anunciou o calendário de cursos a serem oferecidos pela pasta para o ano de 2024.

As capacitações são fruto da parceria com a Escola de Governo do Maranhão (Egma), cuja a finalidade é a realização de atividades formativas para servidores públicos da Administração Estadual sobre temas relacionados à eficiência, controle e transparência da gestão no âmbito da administração pública.

O cronograma prevê 24 cursos para este ano, com início previsto para 18 de abril e o encerramento em 7 de novembro. Todos os cursos devem ocorrer de forma presencial no auditório Isabel Almeida Ferreira Rêgo, o auditório da STC.

“O nosso primeiro ano da parceria com a Escola de Governo foi um grande sucesso e, por esse motivo, decidimos ampliar a quantidade de cursos para atender um número ainda maior de servidores. A gestão do governador Brandão sempre priorizou a capacitação dos seus servidores e a STC vem cumprindo com as suas atribuições legais nesse sentido, ajudando-o a cumprir esse plano”, concluiu o secretário Raul Cancian Mochel.

Entre as capacitações se destacam o “Implementação, gestão de programas e planos de integridade”, “A LGPD nas licitações e contratações públicas” e “Governança nas contratações públicas”.

Além destas novidades ainda serão ofertados os cursos que fizeram sucesso nos anos anteriores como “Curso de tomada de contas especial”, “Gestão e fiscalização de contratos administrativos” e “Curso de processo administrativo de responsabilização de pessoas jurídicas”.

“Se em 2023 foram concretizados 14 cursos com mais de 600 servidores certificados, a nossa programação para esse ano foi ainda mais ousada com a previsão de 24 cursos e a expectativa de ultrapassar a marca de 1.000 certificados emitidos”, afirmou o corregedor-geral do Estado, Daniel Barros.

Confira a grade de cursos para 2024:

18 e 19 – ABRIL – Oficina SIGEF para auditoria (8h às 12h)

22 a 26 – ABRIL – Curso de Processo Administrativo Correcional no âmbito disciplinar (8h às 12h)

7 a 9 – MAIO – Curso Implementação, Gestão de Programas e Planos de Integridade (8h às 12h)

14 e 15 – MAIO – Auditoria de obras públicas (14 – 08h às 12h / 15 – 13h30 às 17h30)

17 – MAIO – A LGPD nas licitações e contratações públicas (8h às 12h)

21 e 22 – MAIO – Curso de Tomada de Contas Especial (8h às 12h)

30 – MAIO – Governança nas contratações públicas – enfoque nos Decretos estaduais

3 a 5 – JUNHO – Gestão e fiscalização de contratos administrativos (8h às 12h)

11 a 13 – JUNHO – Curso de Processo Administrativo de Responsabilização de Pessoas Jurídicas em Simetria com a Nova Lei de Licitações (08h às 12h)

13 e 14 – JUNHO – Capacitação de uso do Portal de Transparência e Portal de Dados Abertos (14h às 18h)

18 – JUNHO – Prestação de Contas de Transferências Voluntárias da União (08h às 12h)

20 e 21 – JUNHO – Elaboração de orçamento referencial para obras públicas (08h às 12h)

25 a 28 – JUNHO – Curso de Direito Administrativo Disciplinar Militar (08h às 12h)

6 a 8 – AGOSTO – Curso Transparência Pública e Controle Externo (08h às 12h)

13 a 15 – AGOSTO – Curso Sobre Conflito de Interesses (08h às 12h)

20 e 21 – AGOSTO – Fiscalização de obras públicas (08h às 12h)

27 e 28 – AGOSTO – Curso Blockchain aplicável ao Serviço Público (08h às 12h)

17 a 19 – SETEMBRO – Fiscalização de contratos de terceirização de mão de obra (08h às 12h)

24 e 25 – SETEMBRO – Curso de Tomada de Contas Especial (08h às 12h)

7 a 11 – OUTUBRO – Curso de Processo Administrativo Correcional no âmbito disciplinar (08h às 12h)

15 e 16 – OUTUBRO – Contratação de obras e serviços de engenharia por registro de preço (08h às 12h)

17 – OUTUBRO – Responsabilização do licitante ou do contratado – aplicação de sanções administrativas (08h às 12h)

22 a 25 – OUTUBRO – Curso de Direito Administrativo Disciplinar Militar (08h às 12h)

5 a 7 – NOVEMBRO – Curso de Processo Administrativo de Responsabilização de Pessoas Jurídicas em Simetria com a Nova Lei de Licitações (08h às 12h)

 

LEIA MAIS
3/04/2024 - Leno Castro

Caixa prorroga prazo para pagamento de taxa de concurso até esta sexta-feira (5)

Os inscritos no concurso público da Caixa Econômica Federal (CEF) poderão pagar o boleto da taxa de inscrição até esta sexta-feira (5). A prorrogação da data limite foi anunciada, nesta semana, pela banca organizadora do certame, a Fundação Cesgranrio.

A data determinada inicialmente era 27 de março.

Os valores das taxas variam de acordo com o cargo inscrito.  As taxas de inscrição custam R$ 50, para posições de nível médio, e R$ 65 para as de nível superior.

Os candidatos que solicitaram isenção total de pagamento do valor de inscrição, mas tiveram o pedido negado em definitivo em 21 de março, devem, igualmente, realizar o pagamento integral até a nova data de vencimento (5 de abril).

O pagamento do valor de inscrição até a data de vencimento pode ser feito por boleto bancário, por PIX pelo QR Code gerado no ato de inscrição ou em qualquer banco, respeitando o horário de funcionamento das agências e dos correspondentes bancários.

A inscrição só será validada após a confirmação do pagamento até a data do vencimento. O pagamento não realizado ou após a data de vencimento implicará no cancelamento da inscrição.

Fim das inscrições

O período de inscrição para o concurso terminou às 23h59 desta segunda-feira (25). Em resposta à Agência Brasil, a Caixa disse ainda não tem a confirmação do número do total de inscritos. No último balanço divulgado pela instituição, em 20 de março, mais de 1,3 milhão de candidatos de todo o país tinham se inscrito no concurso que oferece mais de 4 mil vagas, incluindo cadastro reserva. Naquele momento, a maior procura era pelo cargo de Técnico Bancário Novo (TBN), que dá acesso à carreira geral no banco, com 1,016 milhão de inscrições e 533,2 mil confirmações (pagantes e isentos).

Concurso

Conforme edital, entre vagas e cadastro de reserva, o banco oferece neste concurso 2 mil vagas de nível médio para Técnico Bancário Novo (TBN), 2 mil vagas de técnico na área de Tecnologia da Informação (TI). Além destas, há 50 vagas de nível superior, sendo 28 para médicos do trabalho e 22 para engenheiros de segurança do trabalho.

Para os cargos de nível médio, a remuneração inicial é R$ 3.762, mais benefícios. Já o concurso para as carreiras profissionais de médico do trabalho e de engenheiro de segurança do trabalho é de nível superior, a remuneração inicial de R$ 11.186 e R$ 14.915, respectivamente, além dos mais benefícios, como plano de saúde, Previdência Complementar, auxílio alimentação, vale transporte, auxílio creche e participação nos lucros.

De acordo com o cronograma, os candidatos solicitantes de atendimento especial e de uso de nome social para concorrer à vaga poderão consultar se o pedido foi aceito na próxima segunda-feira (1º de abril).

As provas serão aplicadas em 26 de maio, um domingo. Os exames terão questões de conhecimentos gerais e específicos, além de redação, para cargos técnicos, e prova discursiva, para nível superior.

Os aprovados serão convocados a partir de agosto de 2024, para apresentarem a documentação e realizarem os exames médicos obrigatórios. obrigatórios. Acesse o cronograma do concurso público.

Os editais de nível médio e de nível superior do novo concurso para a Caixa Econômica Federal estão disponíveis no site da Fundação Cesgranrio específico para o concurso público da Caixa.

LEIA MAIS
VEJA TAMBÉM

Anapurus recebe a 76° unidade do Viva/Procon no Maranhão, nesta sexta (12)

 Nesta sexta-feira (12), o Governo do Maranhão, por meio do Instituto de Promoção e Defesa do Cidadão e Consumidor do Maranhão (Procon/MA), inaugura a 76ª unidade do órgão, dessa vez no município de Anapurus.

A unidade de número 76 funcionará na Rua Maria Pires Leite, s/n, bairro da Torre, de segunda a sexta, das 7h às 13h.

É parte do plano de expansão do órgão e conta com a parceria da prefeitura do município.

Serão oferecidos os serviços de emissão da 1ª e 2ª via do RG, emissão de certidões e consultas no Balcão do Cidadão.

O público do município terá acesso, também, aos serviços do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) e de emissão de documentos como antecedentes criminais e CTPS Digital, CPF.

O Procon-MA disponibilizará, ainda, orientações referentes a defesa do consumidor.

Anvisa classifica seis unidades de saúde do Maranhão ao grau Alta Conformidade

Seis unidades que integram a rede da Secretaria de Estado da Saúde (SES) alcançaram o grau de Alta Conformidade no relatório da Avaliação Nacional das Práticas de Segurança do Paciente. O levantamento, conduzido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), levou em consideração hospitais com Unidade de Terapia Intensiva (UTI), no ano de 2023.

No Maranhão, a rede estadual as seis unidades classificadas pela Anvisa foram: o Hospital Regional Dr. Everaldo Ferreira Aragão (Caxias), o Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr. Jackson Lago (Pinheiro), o Hospital de Câncer do Maranhão Dr. Tarquínio Lopes Filho (São Luís), ⁠o ⁠Hospital Regional Alarico Nunes Pacheco (Timon), o Hospital Dr. Carlos Macieira (São Luís) e o ⁠Hospital de Cuidados Intensivos (São Luís).

O relatório foi destinado aos gestores de saúde, profissionais dos Núcleos de Segurança do Paciente (NSP), das Comissões de Controle de Infecção (CCIH) e da assistência, além de profissionais que atuam no Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS) e sociedade em geral.

A Avaliação Nacional das Práticas de Segurança do Paciente, em hospitais com UTI, é realizada anualmente de forma voluntária, sob coordenação da Anvisa e dos Núcleos de Segurança do Paciente (NSP), das Vigilâncias Sanitárias (VISA) e coordenações estaduais/distrital de controle de infecção.

Entre os regulamentos que atendem à análise, estão a Resolução RDC n° 36/2013, que institui ações para a segurança do paciente em serviços de saúde, bem como os documentos técnicos publicados pela Agência, como o Plano Integrado para a Gestão Sanitária da Segurança do Paciente (2021-2025).

Participação e critérios

Foram convidados a participar da Avaliação Nacional das Práticas de Segurança do Paciente dos hospitais com UTI que funcionaram por pelo menos 10 meses em 2022, o que totalizou 2.179 hospitais como público-alvo. Em 2023, 1.442 hospitais com UTI participaram da etapa de preenchimento e envio do formulário de avaliação das práticas de segurança do paciente.

Dos critérios, foi observado: Sensibilização e divulgação aos hospitais com UTI; Preenchimento do formulário eletrônico; Análise dos formulários e documentos comprobatórios; Classificação preliminar dos serviços em relação à conformidade com as práticas de segurança do paciente; Devolutiva dos resultados aos serviços avaliados; Avaliação in loco de serviços sorteados e revisão da classificação dos serviços avaliados; e Consolidação dos resultados nacionais e por UF realizado pela Anvisa.

São 21 itens de checagem. Entre os critérios de avaliação estão: Núcleo de Segurança do Paciente instituído; Plano de segurança do paciente (PSP) implantado; Protocolo de prática de higiene das mãos implantado; Protocolo de cirurgia segura implantado; Protocolo para prevenção de quedas; Protocolo para segurança na prescrição, uso e administração de medicamentos implantado; Protocolo para a prevenção de infecção primária de corrente sanguínea, entre outros.

Mega-Sena acumula mais uma vez e prêmio vai a R$ 56 milhões

As seis dezenas do concurso 2.711 foram sorteadas na noite desta quinta-feira (11), no Espaço da Sorte, em São Paulo.

O prêmio da faixa principal acumulou e a estimativa para o próximo concurso, no sábado (13), R$ 56 milhões

Os números sorteados foram:  14 – 36 – 38 – 46 – 55 – 60.

A quina teve 69 apostas ganhadoras; cada uma vai pagar R$ 49.876,99. Já a quadra registrou 4.507 apostas vencedoras. Os acertadores vão receber, individualmente, um prêmio de R$ 1.090,84.

As apostas para o próximo concurso podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O jogos simples, com seis números marcados, custa R$ 5.